Newsletter
Subscreva a nossa newsletter

Newsletter

FacebookTwitter
Jornal do Concelho de Oleiros | Directora: Daniela Silva | Periodicidade: Trimestral | Novembro 2017 nº64 Ano XV
António Mendes Dias mostra propostas e lista

P1014803.JPG

António Mendes Dias é o candidato ao cargo de presidente da Câmara, pelo partido Nós Cidadãos. A apresentação dos candidatos que o acompanham decorreu, em Oleiros. Na lista para a autarquia surgem os nomes de José Alípio, António Alves, Fernanda Gonçalves e Margarida Luís, entre outros. Já para a Assembleia Municipal é candidato a presidente, Fernando Dias, secundado por Cristina Matos, José Marques e Joaquim Pedroso (mandatário da campanha). Nas freguesias a Mais Oleiros/Nós Cidadãos apresenta os seguintes cabeças de listas: Maria Zulmira Rodrigues (Cambas), Bernardino Mateus (Estreito), João Gonçalves (Isna), António Fernandes (Madeirã), José Forte (Mosteiro), António Jorge Antunes (Oleiros/Amieira), José Nunes Marques (Sarnadas de São Simão) e Maria João Nascimento (Sobral).

No seu discurso, António Mendes Dias mostrou-se preocupado "com a economia do concelho". O candidato recordou as promessas que há quatro anos ganharam as eleições, nomeadamente a fábrica de investimento russo que nunca chegou a ser concretizada. "Sabemos da necessidade de empreendedorismo gerador de emprego e, sobretudo, preocupa-nos o estado da nossa principal riqueza, a nossa floresta. Vamos lutar por vias de comunicação decentes, especialmente por uma ligação rápida à A23, na zona de Castelo Branco", disse, enquanto anunciava a intenção de criar uma incubadora de empresas.

António Mendes Dias dividiu a sua intervenção por várias áreas. Na da energia propõe-se "implementar o aproveitamento de energias renováveis nos equipamentos públicos do concelho, por forma a reduzir a fatura energética". No turismo pretende lançar "um programa de promoção da paisagem; criar condições para que todas as freguesias disponham de empreendimentos de turismo rural ou de habitação; e dinamizar a criação de uma rede de percursos pedestres e os desportos de natureza".

Na economia, destacou a promoção de iniciativas que dinamizem o comércio local, e a certificação dos produtos e da gastronomia.

Na habitação, pretende dinamizar "zonas para construção de moradias unifamiliares, disponibilizando lotes a preços controlados".

Na saúde, criticou o facto de Oleiros ter perdido o "serviço de urgência", e ao contrário do que foi anunciado, "não ter consultas de especialidade. A nossa candidatura propõe um Programa de Apoio de Saúde Domiciliário. Procuraremos o reforço do quadro médico e de enfermagem e a criação de mais valências e mais serviços no Centro de Saúde. E vamos criar um mecanismo de apoio à aquisição de medicamentos pelos mais carenciados".

António Mendes Dias falou também no "reforço ao apoio à natalidade".

Já no que respeita à floresta, propõe fazer "o Plano de Ordenamento Florestal Municipal; o Cadastro da Propriedade Rústica do concelho; e a certificação da fileira florestal".



Enviar por E-mail

(* campos de introdução obrigatória)