Newsletter
Subscreva a nossa newsletter

Newsletter

FacebookTwitter
Jornal do Concelho de Oleiros | Directora: Daniela Silva | Periodicidade: Trimestral | Abril 2017 nº62 Ano XV
9 restaurantes aderentes
Festival do Cabrito Estonado para degustar com muita animação

cabrito.jpgO Festival do Cabrito Estonado e do Vinho Callum já tem o seu programa definido. A iniciativa pretende valorizar aqueles dois produtos endógenos do concelho de Oleiros e decorre nos dias 8,9, 15 e 16 de abril no concelho.

O evento conta com nove restaurantes aderentes ao Festival do Cabrito Estonado e do Vinho Callum, a saber: Callum (272 680 010), Carteiro (272 682 596), Casa Peixoto (272 682 250), Ideal (272 682 350), Prontinho (272 682 338), Regional (272 682 309) e Salina (961 258 844), todos em Oleiros; Pérola do Orvalho (272 746 119), em em Orvalho; Slide (965 720 287), em em Ponte de Cambas, e Adega dos Apalaches (965 238 786), no Roqueiro. É nestes restaurantes que pode degustar o cabrito estonado.

Quanto ao programa do Festival, promovido pela Câmara de Oleiros, no dia 8, terá teatro de rua, com o grupo Marafona Encantada, a partir das 14H30. Será também nessa tarde, pelas 16H00, que será feita uma oficina sobre o fabrico do queijo de cabra, seguindo-se mais uma sessão de teatro de rua. O momento alto do festival será certamente a degustação do cabrito estonado num dos restaurantes aderentes, mas em termos culturais, no dia 8 atuará o grupo Tó & Nando, num espetáculo de comédia.

Para o primeiro domingo do Festival, está agendada a atuação do grupo de percussão tradicional "Chibatas", pelas 11H00, e do rancho Folclórico de Oleiros, às 15H00.

No sábado, dia 15, sobe ao palco, pelas 15H00, a peça de teatro infantil "Corre corre cabecinha!...". à noite será projetado o filme "7 Pecados Rurais". No domingo, último dia do festival, haverá novamente teatro de rua e animação musical a cargo dos artistas Vando barros, Vânia Gonçalves e Edys da Silva.

Recorde-se que este é um evento gastronómico que privilegia o património caprino do concelho, dando destaque a esta especialidade tradicional exclusiva de Oleiros. Trata-se de "um original cabrito assado em forno de lenha com a pele, o qual é "estonado" e não "esfolado". Este ano a novidade é o Vinho Callum, que poderá ser degustado durante estes dias de Festival. O Vinho Callum é um vinho branco, muito ligeiro e de baixo teor alcoólico, assemelhando-se ao vinho verde, com notas citrinas e florais, acidez equilibrada e persistente. Por ser conseguido através do processo de vinificação tradicional, remete-nos para uma viagem no tempo até à época medieval, numa altura em que os vinhos, ao contrário de hoje, não levavam qualquer tipo de tratamento químico.

Enviar por E-mail

(* campos de introdução obrigatória)